Linda Martins, 18, Salvador. Livros (os que leio e os que escrevo), cristianismo, estudos aleatórios e comida definem minha vida. Em constante evolução.

ENTREVISTA
Rudson Xaulin

RESENHA
Um beijo inesquecível

AUTORAIS
Baed

20.4.16

Meu primeiro legítimo template e como eu consegui essa façanha


Então, acredito que os leitores em geral já notaram a troca de template aqui no blog, mas os mais perceptivos talvez tenham notado meu nome nos créditos do footer. Sim, esse template é meu! Aqueles que leram um dos primeiros posts sobre html aqui no blog sabem que meu contato com o dito cujo é antigo, desde minhas andanças na plataforma do tumblr, mas uma coisa que provavelmente ninguém aqui sabia era a minha dificuldade em conseguir produzir, de fato, um template, ao invés de simplesmente customizar um já pronto.

Depois de 3, 4, 5, 6 tentativas de entender a mística codificação própria do blogger, eu finalmente percebi que estava colocando a carroça na frente dos bois. Eu tenho um considerável conhecimento de html e css, nada a níveis experts, mas o suficiente para montar algo simples e bonito. Entretanto, eu JAMAIS poderia entender como funciona as tags do blogger sem saber nada de xml e javascript.

Então você estudou muito, conseguiu dominar os dois e fez o template, certo?

Errado. Sim, eu ainda não entendo de xml e javascript, mas achei uma alternativa mais simples de ficar livre da caça aos themes free, o transtorno de não encontrar nada que se encaixasse nos meus gostos, e não poder pagar por um template exclusivo. Para isso, tive que fazer uma básica pesquisa no google, que me levou a esses artigos e vídeos bastante úteis...



 Maiores detalhes nos próximos posts do "Aprendendo html".